domingo, 14 de novembro de 2010

TÉCNICAS DE LEITURA

As técnicas de leitura, como o próprio nome diz, vão nos ajudar a ler um texto. Existem técnicas variadas, mas veremos as mais utilizadas. Ao ler um texto em Inglês, lembre-se de usar as técnicas aprendidas, elas vão ajudá-lo. O uso da gramática vai ajudar também. As principais técnicas são: a identificação de cognatos, de palavras repetidas e de pistas tipográficas. Ao lermos um texto vamos,ainda, apurar a idéia geral do texto (general comprehension) e utilizar duas outras técnicas bastante úteis: skimming e scanning.

Cognatos Os cognatos são palavras muito parecidas com as palavras do Português. São as chamadas palavras transparentes. Existem também os falsos cognatos, que são palavras que achamos que é tal coisa, mas não é; os falsos cognatos são em menor número, estes nós veremos adiante.

Como cognatos podemos citar: school (escola), telephone (telefone), car (carro), question (questão, pergunta), activity (atividade), training (treinamento)... Você mesmo poderá criar sua própria lista de cognatos!

Palavras repetidas As palavras repetidas em um texto possuem um valor muito importante. Um autor não repete as palavras em vão. Se elas são repetidas, é porque são importantes dentro de texto.

Muitas vezes para não repetir o mesmo termo, o autor utiliza sinônimos das mesmas palavras para não tornar o texto cansativo.

Pistas tipográficas As pistas tipográficas são elementos visuais que nos auxiliam na compreensão do texto. Atenção com datas, números, tabelas, gráficas, figuras... São informações também contidas no texto.
Os recursos de escrita também são pistas tipográficas. Por exemplo:
• ... (três pontos) indicam a continuação de uma idéia que não está ali exposta;
• negrito dá destaque a algum termo ou palavra;
• itálico também destaca um termo, menos importante que o negrito;
• ‘’ ‘’ (aspas) salientam a importância de alguma palavra;
• ( ) (parênteses) introduzem uma idéia complementar ao texto.

General Comprehension A idéia geral de um texto é obtida com o emprego das técnicas anteriores. Selecionando-se criteriosamente algumas palavras, termos e expressões no texto, poderemos chegar à idéia geral do texto.

Por exemplo, vamos ler o trecho abaixo e tentar obter a “general comprehension” deste parágrafo: “Distance education takes place when a teacher and students are separated by physical distance, and technology (i.e., voice, video and data), often in concert with face-to-face communication, is used to bridge the instructional gap.” From: Engineering Outreach College of Engineering – University of Idaho A partir das palavras cognatas do texto (em negrito) podemos ter um a idéia geral do que se trata; vamos enumerar as palavras conhecidas (pelo menos as que são semelhantes ao Português):

• distance education = educação a distancia
• students = estudantes, alunos
• separeted = separado
• physical distance = distância física
• technology = tecnologia
• voice, video, data = voz, vídeo e dados (atenção: “data” não é data)
• face-to-face communication = comunicação face-a-face
• used = usado (a)
•instructional = instrucional

Então você poderia dizer que o texto trata sobre educação a distância; que esta ocorre quando os alunos estão separados fisicamente do professor; a tecnologia (voz, vídeo, dados) podem ser usados de forma instrucional. Você poderia ter esta conclusão sobre o texto mesmo sem ter muito conhecimento de Inglês. É claro que à medida que você for aprendendo, a sua percepção sobre o texto também aumentará. Há muitas informações que não são tão óbvias assim.

Skimming “skim” em inglês é deslizar à superfície, desnatar (daí skimmed milk = leite desnatado), passar os olhos por. A técnica de “skimming” nos leva a ler um texto superficialmente. Utilizar esta técnica significa que precisamos ler cada sentença, mas sim passarmos os olhos por sobre o texto, lendo algumas frases aqui e ali, procurando reconhecer certas palavras e expressões que sirvam como ‘dicas’ na obtenção de informações sobre o texto.

Às vezes não é necessário ler o texto em detalhes. Para usar esta técnica, precisamos nos valer dos nossos conhecimentos de Inglês também. Observe este trecho: “Using this integrated approach, the educator’s task is to carefully select among the technological options. The goal is to build a mix of instructional media, meeting the needs of the learner in a manner that is instructionally effective and economically prudent.” From: Engineering Outreach College of Engineering – University of Idaho Selecionando algumas expressões teremos:

• integrated approach = abordagem (approach = abordagem, enfoque) integrada
• educator’s task = tarefa (task = tarefa) do educador – ‘s significa posse = do
• tecnological options = opções tecnológicas (tecnological é adjetivo)
• goal = objetivo
• a mix instrucional media = uma mistura de mídia instrucional.

Com a técnica do “skimming” podemos dizer que este trecho afirma que a tarefa do educador é selecionar as opções tecnológicas; o objetivo é ter uma mistura de mídias instrucionais de uma maneira instrucionalmente efetiva e economicamente prudente.

Scanning “Scan” em Inglês quer dizer examinar, sondar, explorar. O que faz um scanner? Uma varredura, não é?! Logo, com a técnica de “scanning” você irá fazer uma varredura do texto, procurando detalhes e idéias objetivas.

Aqui é importante que você utilize os conhecimentos de Inglês; por isso, nós vamos ver detalhadamente alguns itens gramaticais no ser “ Estudo da Língua Inglesa”. Olhe este trecho: “ Teaching and learning at a distance is demanding. However, learning will be more meaningful and “deeper” for distant students, if students and their instructor share responsibility for developing learning goals: actively interacting with class members; promoting reflection on experience; relating new information to examples that make sense to learners. This is the challenge and the opportunity provided by distance education.” Poderíamos perguntar qual o referente do pronome “ their” em negrito no trecho? Utilizando a técnica de skimming, seria necessário retornar ao texto e entender a sentença na qual o pronome está sendo empregado. “Their “ é um pronome possessivo ( e como tal, sempre vem acompanhado de um substantivo) da terceira pessoa do plural ( o seu referente é um substantivo no plural).

A tradução de “their instructor” seria seu instrutor . Seu de quem? Lendo um pouco para trás, vemos que há “students”; logo concluímos que “their” refere-se a “students, ou seja, instrutor dos alunos”.

Nenhum comentário: